Heráldica
Conheça, ou recorde, o significado dos nossos símbolos heráldicos: a Cruz da Ordem de Malta, a Lira de Ouro e a Fonte de Prata.
OS SÍMBOLOS HERÁLDICOS
 
 
 
 

Os símbolos heráldicos escolhidos para o Brasão, a Bandeira e o Selo da Freguesia de Alcafache são a Cruz da Ordem de Malta, uma Lira de Ouro e uma Fonte de Prata.

Foram aprovados pela Assembleia de Freguesia na reunião de 29 de Abril de 2004, depois de recebido o parecer positivo da Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses,  datado de 18 de Março do mesmo ano e emitido nos termos da Lei 53/91 de 7 de Agosto.

Menos de um mês depois, em 24 de Junho, o Edital respectivo foi publicado na III Série do Diário da República.

 

A Cruz da Ordem de Malta

Representa o facto de a Ordem do Hospital ter possuído bens em Alcafache, peitando voz e coima, sem os oficiais da coroa entrarem nos prédios, o que mostra que esses haveres eram importantes já em finais do séc. XIII; os referidos haveres da Ordem do Hospital foram certamente o princípio da Comenda de Alcafache na Ordem de Malta, sendo que do século XV para o século XVI, Alcafache era um concelho desta Ordem.

A Lira de Ouro

Representa a vertente cultural e desportiva desta freguesia, que é representada pelas colectividades aqui existentes, como é o caso da Sociedade Filarmónica de Tibaldinho (a mais antiga e centenária), o Centro Social, Cultural e Desportivo de Tibaldinho, do Movimento de Jovens Cristãos de Alcafache, da ALCATUNA e do Rancho de "Tricanas" de Tibaldinho. Também existiu o Rancho Folclórico "As Flores Unidas de Alcafache". O actual Centro Social, Cultural e Desportivo de Tibaldinho resultou da fusão do Grupo Coral e da Associação Cultural e Desportiva de Tibaldinho.

A Fonte de Prata

A fonte de prata jorrando água de prata e azul representa as afamadas Termas de Alcafache, situadas no vale do rio Dão; estas termas são indicadas para o tratamento de reumatismos, bronquites, rinites e laringites crónicas. Em complemento às actividades regulares, as Termas de Alcafache, em colaboração com a Região de Turismo Dão Lafões, são responsáveis pela organização de um conjunto de animações culturais.
 
 
 
Edital da Junta de Freguesia, publicado no Diário da República, III Série, em 24 de Junho de 2004.